por F. Morais Gomes

20
Set 10

Hoje não estar no Facebook é o mesmo que estar condenado à irrelevância e exclusão.Toda a nossa vida passou a ter uma dimensão real e outra virtual, onde se não passou ou foi comentado no Facebook é porque não existiu.Tens 100 amigos? és irrelevante.Não pertences a um grupo dos amigos dos ornitorrincos ou a favor da Amy Winehouse?Nem pensar.

O Facebook é uma tribo onde há feiticeiros, guerreiros, amigos e inimigos de estimação, onde saber se se acordou bem disposto pode originar 40 comentários mas a  falta de água em Arcozelo não interessa a ninguèm(pelo menos se tiver menos de 10 comentários).

Recentemente,The Economist chamava ao Facebook uma nação,onde há regras, protocolos, líderes,qual nova "comunidade imaginada", que se fosse um país seria a terceira potência mundial com os seus 500 milhões de utilizadores.Para mim, tem a virtualidade(e só isso, virtualidade...) de ser um meio de difusão, o Facebook ao serviço da Cultura e não uma Cultura do Facebook.Mas isso sou eu que sou cada vez mais das minorias...

publicado por Fernando Morais Gomes às 14:52

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
15
17
18

19
22
23
25

27
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO